Página Inicial











Antonio Sobral
<< voltar

    Biografia resumida de Antonio Sobral

   Nascido em 1985, cresceu no Rio de Janeiro onde freqüentou dos 10 aos 18 anos a Escola de Artes Visuais do Parque Lage.  Neste periodo participou com pinturas e desenhos de 4 exposições coletivas. Ainda no Brasil, freqüentou informalmente o ateliê de Rubens Gerchman, Cláudio Tozzi, Tunga, Gonçalo Ivo...

2003 - Workshops de cinema na University of Southern California, Los Angeles. Começo do estudo/realizaçao de filmes experimentais em video e 16mm.

2003-2007  “Licence” em cinema na universidade Paris 1 (panthéon-sorbonne).
Realizaçao de numerosos curta-metragens nao-narrativos em super8 e 16 mm, produçao de pintura sob pelicula, e de gouaches e oleos sobre papel.

2004  -inverno-  Foi assistente da pintora Adriana Varejão no Rio de Janeiro e em Minas Gerais, para uma obra realizada no CACI  (Centro de Arte Contemporânea Inhotim).

2005-2007  Foi assistente do pintor americano “James Brown” em Paris.
Exibiçoes internacionais dos seus curtas-metragens (cinema LaClef, Paris; evento na Pista3, Rio de Janeiro; diversas cidades brasileiras pelo festival MixBrasil, onde participou com dois fimes).

2006  Lançamento em Dvd do curta “Cristal Love” pelo Collectif Jeune Cinéma (CJC-Paris) .

2007  Muda-se para Sao Paulo. Participa de workshops de fotografia para cinema com Alziro Barbosa.
Escreve o longa de ficçao “A verdade do corpo”, juntamente com o autor carioca Ismar Tirelli Neto.
Realisa filmes institucionais e participa da criaçao e produçao do primeiro festival “ENTRETODOS”.  Continua pintando, num novo atelier.

2008   Passa o tempo entre o atelier em Sao Paulo e as viagens relacionadas à seu trabalho de fotografo de cinema. Direçao de fotografia dos média-metragens “Teus Cantos” de Manu Sobral, e “rua Velha Bessarabia”, de Jorge Grinspum –ambos em filmagem.  Assistencia ao fotografo Luis Carlos Saldanha no filme “De corpo inteiro”, dirigido por Nicole Algranti.
No atelier de Sao Paulo, muda o rumo de sua pintura. Nasce uma série de  40  gouaches em papéis de 1m por 70, entre a ironia quase cartoon e o suprematismo do material sensivel, que oscila entre nihilismo e expressionismo, sempre de forma lirica. Cinco trabalhos desta nova série estao com exposiçao prevista no Hotel Sofitel para dezembro, sob curadoria de Edes Francesca Dalle Molle.

(11) 3051-5066  
Desenvolvido por Lourenzo Ferreira